102012maio

5 Mitos sobre Psicoterapia:


1.       Psicoterapia é só para quem está muita mal.
A psicoterapia é uma ferramenta que promove o autoconhecimento. Quem está mal e quer entender o motivo, ou melhorar sua condição, pode e deve fazer terapia. E quem não está mal, mas quer investir no seu desenvolvimento, cuidar de si e melhorar suas relações consigo próprio e com o mundo, também pode usufruir dessa ferramenta.
2.       Quem vai ao psicólogo é louco.
O psicólogo atende uma demanda que pode variar muito. Ele pode trabalhar em escolas, em hospitais, em empresas, no consultório, conselho tutelar, órgãos públicos, aplicando testes, em pesquisas, em vários campos.  Algumas pessoas que se beneficiam do trabalho do psicólogo tem questões mais complexas e outras questões mais simples. É como qualquer outro profissional da saúde. Um dentista, por exemplo, em seu dia de trabalho pode atender alguém para fazer uma limpeza ou uma profilaxia, e em seguida outra pessoa que precisa tratar um canal. Ir ao dentista não significa que você está com os dentes comprometidos.  O problema é que ainda existem pessoas que tem preconceito em relação aos cuidados psicológicos.
3.       Estou tomando remédio prescrito pelo psiquiatra, então não preciso ir ao psicólogo.
            Esse é um erro muito comum. A pessoa começa a se tratar com o médico psiquiatra, passa a tomar medicação, melhora e acha que está tudo resolvido. Neste caso estamos tratando o sintoma e não a causa. Se a causa do problema não for investigada e trabalhada, as chances do sintoma voltar com o fim do tratamento medicamentoso são altas.

4.       Sinto que preciso fazer terapia, mas prefiro fazer compras (shopping terapia) ou gastar esse dinheiro com lazer.
     
           Aqui nós temos o típico “tapar o sol com a peneira”.  Fazer comprar e se distrair pode até trazer bem estar momentaneamente, mas não vai resolver suas questões. É uma ilusão achar que a emoção das compras ou de um cineminha vai curar a falta de sentido na vida, a insatisfação no casamento ou aqueles medos que incomodam tanto, só para citar exemplos.

5.       Terapia é coisa de rico, é um luxo só para quem tem dinheiro sobrando.

           Existem profissionais que cobram mais caro e profissionais que cobram mais barato como em qualquer outra profissão. Ao contrário do que se pensa, fazer terapia pode ser muito mais barato do que ir ao salão de cabeleireiros por exemplo. Cuidar da mente é tão importante quanto cuidar do corpo.

Vale a pena investir em si mesmo!

Um forte abraço,

Renata 
www.terapeuta.psc.br


Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *